Mitos e verdades sobre a gripe

Esta é a época do ano em que os pequenos mais sofrem. A baixa temperatura afeta muitas crianças, principalmente aquelas já acometidas por problemas respiratórios, como asma, bronquite, rinite, sinusite, entre outros.

Quando a tosse e a coriza começam, os pais já entram em alerta e partem para os típicos hábitos: não beber nada gelado, tomar vitamina C, não andar descalço… O que muitos pais não sabem é que vários destes hábitos, que já viraram costume quando o assunto é gripe, não passam de pura lenda. Saiba o que é verdade ou mito sobre a gripe:

1) Tomar vitamina C previne a gripe?
Mito. Até hoje, não existe nenhum estudo científico que comprove que a vitamina C previna a gripe.

2) Tomar banho e depois abrir a porta da geladeira causa gripe?
Mito. Abrir a geladeira após tomar banho, entrar em um ambiente frio, andar descalço ou tomar sorvete não causam gripe. O que causa gripes e resfriados são sempre vírus. Se a pessoa já estiver incubando uma gripe, pode desencadear a doença, mas não porque tomou sorvete, e sim por ter sido exposta ao vírus.

3) Beber bastante água ajuda a melhorar a gripe?
Verdade. Tomar muita água ajuda a aliviar os sintomas, pois a hidratação fluidifica as secreções, ajudando na eliminação e, consequentemente, no desconforto respiratório.

4) Ficar perto de alguém gripado pode transmitir a gripe?
Verdade. Lembre-se de que a gripe é adquirida por vírus, que é transmitido pelo ar. Distâncias menores que 1,5mt são de risco para contágio.

5) Ambientes fechados e sem ventilação facilitam o contágio da gripe?
Verdade. Se você estiver em uma sala fechada com várias pessoas, basta uma delas estar gripada para aumentar suas chances de contágio

6) Não existe cura para a gripe?
Verdade. A gripe não tem cura. O que se pode fazer é adotar tratamentos para amenizar os sintomas desconfortáveis da gripe, como hidratação das vias aéreas, inalação com soro fisiológico para eliminar as secreções, repouso, alimentação rica em nutrientes para fortalecer a imunidade e, como já dito, ingestão de bastante água. Se a gripe persistir por mais de 4 ou 5 dias, acompanhada de febre alta, é preciso ir ao médico. Dependendo do caso, será necessário o uso de antibióticos.

7) A vacina antigripal pode causar gripe?
Mito. A vacina não tem como causar gripe, simplesmente por não conter o vírus inteiro e vivo. Por mais que você conheça alguém que diga que ficou gripado após ser vacinado, certamente não foi pela vacina.

Por Dr. Carlo Crivellaro, Pediatra com Título de Especialista em Pediatria
pela Sociedade Brasileira de Pediatria; Membro da Sociedade Brasileira de
Pediatria; e Membro da Highway to Health International Healthcare Community

Allison Diogo

Futuro Administrador e produtor de conteúdo para o Youtube e afins.

%d blogueiros gostam disto: